6-erros-no-atendimento-aos-clientes-que-devem-ser-evitados-e-como-um-chatbot-pode-ajudar

6 erros no atendimento ao cliente que devem ser evitados e como um chatbot pode ajudar

Se ter um setor de atendimento ao cliente é fundamental para as empresas, então o grande desafio está em transformá-lo em seu diferencial estratégico, eliminando falhas e investindo em tecnologias como o chatbot.

Para que produtos e serviços sejam colocados no mercado, um grande investimento e força de trabalho são necessários. Portanto, permitir que atendimentos falhos causem a fuga de clientes é frustrante e pode ser fatal para uma organização.

Para que o seu negócio não conviva com essa realidade, apresentamos 6 erros frequentes de atendimento ao cliente que podem ser evitados com um chatbot. Confira!

 

1. Informações incorretas, distorcidas ou incompletas para o cliente

Uma das funções mais essenciais do atendimento é prestar esclarecimentos quanto a procedimentos, características dos produtos e serviços oferecidos.

Entretanto, a exatidão dessas informações pode ser comprometida por falta de treinamento dos atendentes, desmotivação e até pressão exercida pelo cliente.

Não é incomum que atendentes deixem de mencionar uma cláusula por considerar que esse conhecimento deixará o público irritado.

Como o chatbot pode ajudar?

O chatbot é regido por informações armazenadas em seu banco de dados e, por isso, existe a garantia de que os atendimentos serão sempre precisos. E, por não ser influenciado por fatores emocionais, esse recurso está apto a orientar de forma clara.

 

2. Tempo de espera grande no atendimento aos clientes

Seja para ser atendido ou durante a resolução de sua demanda, o tempo de espera do cliente deve ser o mais breve possível.

Quando uma pessoa liga para uma central de atendimento ou envia um e-mail, oferece a chance para que a empresa o mantenha satisfeito. Mas a demora da resposta pode ser encarada como um descaso.

Como o chatbot pode ajudar?

Um chatbot pode gerenciar vários atendimentos ao mesmo tempo. Além de prestar as informações básicas, direciona de forma assertiva as demandas que necessitem intervenções de outros setores, como o financeiro, por exemplo.

 

3. Falta de empatia com o cliente

Para a experiência de atendimento ser considerada um diferencial estratégico, ela precisa superar as expectativas do cliente.

Demonstrar empatia com o público e escutar respeitosamente suas demandas e seus sentimentos são atitudes importantes para que ele se sinta valorizado.

Como o chatbot pode ajudar?

Enquanto o atendimento humano pode variar conforme o temperamento e estado emocional de cada atendente, o chatbot é configurado com um perfil único — que reflete valores da empresa e empatia com os clientes.

E mesmo em uma situação mais delicada, por força de sua configuração, esse robô nunca faltará com respeito, insultando ou mudando o tom educado da conversa.

 

4. Negligenciar as interações online

Empresas que oferecem apenas atendimento por telefone desprezam uma parcela considerável de seus consumidores e potenciais compradores que preferem a comunicação via Internet.

Clientes mais ativos no ambiente online podem, inclusive, produzirem uma imagem negativa da organização ao fazerem comentários sobre suas insatisfações e não terem suas necessidades atendidas.

Como o chatbot pode ajudar?

O chatbot utiliza as melhores e mais populares ferramentas de comunicação na web, como o Facebook Messenger, que é amigável e tem ampla utilização.

 

5. Considerar que o cliente é leigo

A construção dos argumentos de vendas ou dos esclarecimentos prestados deve respeitar o conhecimento dos clientes, mas nem sempre isso acontece.

Muitas vezes, o consumidor se aborrece ou tende a concluir que o atendente tenta tirar vantagem de usuários inexperientes. Ou um cliente mais experiente pode se sentir menosprezado.

Como o chatbot pode ajudar?

O chatbot guia o atendimento por meio das palavras-chaves que o cliente utiliza e, portanto, atua exclusivamente conforme as suas necessidades específicas.

 

6. Não estar disponível 24 horas

Empresas que não atendem 24 horas por dia negligenciam consumidores que possuem hábitos e necessidades que excedem o horário comercial.

Como o chatbot pode ajudar?

Por ser uma ferramenta, o chatbot não precisa cumprir escalas, não tira férias e pode atender ininterruptamente.

Em resumo, enquanto um call center deve se preocupar regularmente com o índice de erros no atendimento, o chatbot pode garantir eficiência e conquistar a satisfação dos consumidores simultaneamente.

É claro que os problemas aqui mencionados não são os únicos que um chatbot pode eliminar no atendimento aos clientes. Então conte para a gente qual erro você gostaria de resolver no atendimento da sua empresa?

 

Leia mais:

Atendimento humano ou atendimento automático: qual agrada mais os clientes?

5 passos para reduzir custos durante o atendimento ao cliente

5 dicas que tornam o SAC 2.0 realmente efetivo

Comments (2)

  1. A NET deveria passar a usar este sistema, pois o atendimento do Call center desta empresa é PÉSSIMO.DE ENLOUQUECER, mesmo, qualquer cliente.

    1. Oi, Sonia, tudo bem?
      Pois é, imagina como o mundo seria mais fácil se não apenas a NET, mas todas as prestadoras de serviço tivessem um bom atendimento via mensagens?
      A gente gastaria muito menos tempo ao telefone e resolveria os problemas mais rápido!
      Abraço,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This
Navegação