canais de interação com o cliente

Saiba quais canais de interação com o cliente a sua empresa não pode ignorar

Os canais de interação com o cliente são cada vez mais importantes, tanto para divulgar a sua marca quanto para manter um bom relacionamento com os seus consumidores. Porém, com tantas opções disponíveis de comunicação digital, fica complicado saber exatamente quais estratégias são capazes de trazer benefícios para o seu negócio.

Por isso, no post de hoje, vamos ver quais são os canais de interação com o cliente que a sua empresa não pode ignorar. Confira!

1. Vídeos ao vivo

Os vídeos ao vivo começaram a se popularizar principalmente com o YouTube e o Periscope, mas, hoje, outras redes sociais — como Facebook, Instagram e Snapchat — também são ótimas opções disponíveis para fazer as famosas lives.

Esse tipo de transmissão é interessante porque notifica os seus seguidores quando você está ao vivo, estimulando a curiosidade deles a respeito do assunto que você vai tratar. Além disso, é uma forma de receber perguntas e feedbacks do público e dar uma resposta imediatamente. Não é à toa que podemos ver empresas fazendo lives de perguntas e respostas com frequência.

Fazendo transmissões ao vivo com a sua equipe ou parte dela, seu negócio demonstra transparência e permite que os expectadores se identifiquem mais com a sua marca.

Esta é uma maneira de humanizar a sua participação nas redes sociais e gerar mais engajamento com a sua audiência.

2. Conteúdo interativo

Quer criar uma experiência personalizada para a sua audiência utilizando os canais de interação com o cliente? Então, invista em conteúdos interativos, como:

  • quizzes;
  • testes de conhecimento;
  • jogos;
  • concursos;
  • enquetes etc.

Esse tipo de material pode ser divulgado nas redes sociais e ajuda o seu público a conhecer mais sobre a sua marca e/ou algum assunto relacionado à sua área de atuação. Mas lembre-se: é preciso criar uma experiência interessante, capaz de oferecer alguma recompensa ao usuário.

Veja o caso de testes como, por exemplo, “Qual personagem você é naquela série que todo mundo assiste?”. As pessoas adoram interagir com esse modelo de conteúdo e compartilhar o resultado com os amigos. Sendo assim, você pode adaptar essa ideia para o seu mercado e ainda obter informações importantes sobre características e hábitos dos seus clientes.

3. Chatbots

Os chatbots são softwares capazes de automatizar o atendimento ao cliente nas aplicações de troca de mensagens, como o Facebook Messenger, por exemplo.

Quando um consumidor entra em contato com a empresa por uma dessas plataformas, não é preciso esperar que algum colaborador da organização veja a mensagem e responda. O chatbot responde de imediato.

Os chatbots não substituem completamente uma inteligência humana e, por isso, podem não conseguir lidar com todo o tipo de solicitação. Quando o cliente faz um pedido mais complexo, eles passam a solicitação para um atendente. Mas os chatbots são muito ágeis em responder as requisições mais simples (como “o que eu preciso para abrir uma conta no seu banco?”) e estão disponíveis 24 horas por dia, todos os dias da semana.

Sem contar que não é preciso instalar nenhum aplicativo a mais. A interface de atendimento é toda pelo chat, e para o cliente conseguir o que deseja, basta informar ao chatbot.

Tudo isso gera uma experiência mais agradável de relacionamento com a marca e representa uma ótima solução para a melhoria na interação com o público.

Curtiu o nosso artigo sobre canais de interação com o cliente? Quer saber mais sobre comunicação corporativa e as tendências do mercado? Então, assine a nossa newsletter e receba as novidades na sua caixa de entrada!

 

Leia mais:

Como os chatbots melhoram a experiência no relacionamento com a marca?

Os chatbots estão mudando a interação entre consumidor e empresa!

Como os chatbots podem melhorar a geração de leads?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This
Navegação