google rcs capa post

Google RCS: a evolução da mensageria na telefonia móvel

Com o objetivo de modernizar a comunicação por texto em smartphones Android, o Google está trabalhando com inúmeras operadoras de telefonia ao redor do mundo em uma nova padronização chamada Google RCS.

Apesar de, na teoria, ainda serem o formato padrão de comunicação por texto entre celulares, as mensagens SMS perderam espaço nos últimos anos para os mensageiros web. Entre as razões para isso, pode-se destacar algumas limitações técnicas do SMS, além de seu modelo de cobranças, que está ficando obsoleto.

Neste artigo, vamos explicar melhor o que é o Google RCS e como esse novo padrão pode transformar a comunicação por troca de mensagens em smartphones. Confira!

A evolução da mensageria

SMS é uma abreviação do inglês Short Message Service, que pode ser traduzido como serviço de mensagens curtas. Por muito tempo, ele foi o mais usado para trocas de mensagens de texto entre dispositivos móveis — e é, ainda hoje, o mensageiro padrão em smartphones.

Mas na prática, boa parte das conversas em texto acontecem em aplicativos web atualmente, como o WhatsApp e o Facebook Messenger, que permitem uma gama maior de interações multimídia, grupos de mensagens e troca de arquivos.

Com o Google RCS, o objetivo é fazer com que o padrão da telefonia móvel deixe de ser o SMS e se torne o protocolo Rich Communication Service (RCS), expressão em inglês que pode ser entendida como serviço de comunicação enriquecido.

Na prática, o RCS também se assemelha bem mais aos atuais mensageiros web. Além de ser mais seguro do que o SMS, com ele é possível fazer troca de localizações, mensagens de voz, chamadas de VoiP, chats em grupo e até bloquear remetentes indesejados diretamente na rede.

A primeira ação do Google para promover o RCS foi fazer com que o aplicativo Android Messages se tornasse o padrão para troca de mensagens em todos dispositivos equipados com o sistema operacional da companhia. Nele, já é possível realizar a troca de mensagens RCS nas operadoras que aderiram ao protocolo — nenhuma do Brasil, por enquanto. A expectativa é que mais operadoras adotem essa ideia e, com isso, o RCS se popularize nos aparelhos Android.

Google RCS e os chatbots

Outra possibilidade do RCS é a interação com chatbots, softwares que permitem a comunicação de pessoas com serviços e empresas de forma automatizada através do texto.

Um chatbot pode ser usado para, por exemplo, realizar pedidos de delivery e compras, ou simplesmente receber atendimento imediato e eficaz. Com o Google RCS, esse tipo de interação será possível diretamente na plataforma padrão de trocas de mensagens dos aplicativos, o que deve servir para amplificar ainda mais a popularização dos chatbots no Brasil e no mundo.

Agora que você já sabe o que é o Google RCS, aproveite para seguir nosso Twitter, curtir nossa página no Facebook e acompanhar as atualizações no nosso LinkedIn para ficar sempre por dentro das principais novidades sobre chatbots!

 

Leia mais:

Cobertura Chatbot4Devs: oportunidades para ir além

4 maneiras de melhorar a experiência do usuário com chatbots

Cultura de inovação: saiba como transformar sua empresa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This
Navegação