storytelling em chatbots

O que os chatbots têm a ver com storytelling?

No mundo digital, os canais de comunicação são cada vez mais importantes para o sucesso do seu negócio, seja para divulgar a sua marca, seja para criar um bom relacionamento com o seu público. É nesse contexto que ganha destaque o papel do storytelling em chatbots, que vêm mudando a forma como as empresas interagem com seus clientes.

Ficou curioso? Então acompanhe o post de hoje e veja o que os chatbots têm a ver com storytelling.

O que é storytelling?

O storytelling está relacionado à capacidade de contar uma história de maneira envolvente. Ele costuma ser usado na publicidade e no marketing como estratégia de engajamento.

Segundo o psicólogo norte-americano Jerome Brumer, quando alguma coisa está relacionada a uma história, a chance de você lembrar dela é 20 vezes maior. Em um cotidiano rodeado de informações, isso com certeza faz muita diferença.

Por que ele é importante no design de um chatbot?

Como você já deve saber, os chatbots são softwares que funcionam em aplicativos de mensagens, ou seja, são programas desenhados para dialogar de maneira amigável. Assim, o storytelling em chatbots é bastante útil ao desenvolvimento de um sistema de informação mais humanizado, envolvente e em sintonia com a história, a identidade e a personalidade da marca.

Bons chatbots não forçam a barra para parecerem humanos, mas também não são excessivamente artificiais. A ideia é que a conversa flua da melhor maneira possível, orientando as ações do usuário, informando e ajudando.

Uma dica é definir um nome para o seu chatbot e construir uma personalidade ligada à da própria marca. Isso vai facilitar o aumento do nível de empatia e envolvimento de forma autêntica e coerente.

Aproveite as primeiras mensagens para fazer sua apresentação, dar as boas vindas e sugerir algumas ações, sempre de forma conectada ao jeito de ser e de se expressar da empresa. Por exemplo: você sabia que existem programas de interação capazes de fazer com que seu programa mencione nomes, conte piadas, gere um conteúdo pertinente e, se for o caso, divertido?

Como o storytelling em chatbots ajuda na performance do seu negócio?

Atendimento de melhor qualidade

A qualidade do atendimento da sua empresa via chatbot deve transmitir a mesma mensagem que seus outros veículos de comunicação. Por isso, defina regras válidas tanto para os bots quanto para os atendentes humanos.

Diálogo mais amigável e personalizado

O storytelling contribui para que o chatbot não pareça artificial demais, possibilitando diálogos mais amigáveis entre a empresa e o cliente. Todo mundo gosta de ser chamado pelo nome e ter suas preferências memorizadas, concorda?

Uma das vantagens do comércio conversacional é justamente permitir que o contato seja ao mesmo tempo automático e personalizado. Com chatbots bem construídos, em vez de utilizar aplicativos próprios, as empresas podem usar apps de mensagem como o Messenger e o WhatsApp para se comunicarem com os consumidores de maneira natural, ágil e simpática.

Experiência do cliente mais positiva

É claro que, para o cliente, a agilidade de um programa gera uma experiência positiva, porque ele pode obter respostas rápidas para perguntas corriqueiras durante as 24 horas do dia, todos os dias da semana. Assim, quanto mais agradável o uso do chatbot for, melhor.

Agora que você já sabe a importância do storytelling em chatbots, que tal investir nisso para melhorar o seu serviço? Gostou deste post? Então aproveite a visita e confira 9 dicas de design de chatbots!

 

Leia mais:

Como foi desenvolver o chatbot do Rock in Rio

Chatbot para empresa: 4 erros que farão ele falhar

Será que os chatbots vão substituir os humanos?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This
Navegação